pat ramsey | crosscut saw

pat ramseyNo início da década de 90, Pat Ramsey gravou seu primeiro álbum solo, ‘It's About Time’, e mais tarde formou com o guitarrista Dave Renson e o baterista Steve Howell o grupo ‘Pat Ramsey & The Disciples Blues’. A banda tornou-se uma das prediletas da Flórida, apresentando-se nos circuitos e festivais de blues e lançou dois álbuns ao vivo. Pat Ramsey era aclamado por uma legião de fãs e personificava o espírito do blues. Evidentemente, ele não é um purista da velha escola, ele tem um estilo e perspectiva conceitual pessoal. Seu estilo é inconfundível. Em ‘It's About Time’ ele toca brilhantemente a sua gaita e apoiado perfeitamente pelos demais integrantes da banda criou canções magníficas. Pat Ramsey faleceu em 2008, vítima de hepatite C. Dois meses antes um show beneficente foi organizado para ajudar a pagar as contas médicas que foram se acumulando. Esta foi uma forma de todos os seus velhos amigos e companheiros de banda dizer adeus. Considerado por muitos como o maior gaitista de rock blues do mundo, ele teve uma longa e triste batalha contra a doença. E sua vida inspiraria um filme, que contaria suas façanhas ao viajar de carona cortando todo o país, durante os anos 70.

julien kasperNascido em Shreveport, Louisiana, em 1953, Pat Ramsey começou a tocar gaita com a idade de 17 anos. Juntou-se ao ‘Bunny Brooks Band’ em Denver. Em 1978, ele impressionou Rick Derringer que comentou com Johnny Winter sobre o ‘garoto cabeludo’ de Denver. Johnny Winter gostou tanto do que ouviu que contratou Pat para tocar no álbum ‘White Hot and Blue’. No final do mesmo ano Pat se juntou a Butch Trucks do ‘Allman Brothers Band’, para logo depois a banda ser dissolvida. Então nos pântanos de Tallahasse, Flórida, nasceu ‘Crosscut Saw’. Julien Kasper, vocalista e um prodígio da guitarra de dezessete anos de idade e Pat tornaram-se parceiros. Kasper tinha caído de amores pelo blues e tocava guitarra elétrica apenas há um ano quando ‘Crosscut Saw’ foi formada, mas seu carisma e seu estilo de tocar como Jimi Hendrix, juntamente com a voz e a gaita de Pat Ramsey fizeram o sucesso imediato da banda. Nos cinco anos seguintes ‘Crosscut Saw’ abriu os shows para BB King, Johnny Winter, Johnny VanZandt, Bobby Bland e vários outros. E lançaram o seu único álbum ‘Mad, Bad & Dangerous to Know’ antes da dissolução. Pat Ramsey e Julien Kasper estiveram em contato depois que o grupo se desfez, e as suas reuniões anuais frente ao ‘Crosscut Saw’ ainda eram um grande atrativo em Tallahasse.

pat ramsey & johnny winter

Johnny Winter e Pat Ramsey

Em 1985, a ‘Pat Ramsey Band’ foi formada quando Julien optou por estudar jazz. Em 1987, a banda fez uma turnê com o velho amigo Johnny Winter. Em 1991, Pat mudou-se para Sarasota, Flórida, para tocar com seu amigo guitarrista Greg Poulos do ‘Freddie King Band’. E assim nasceu a ‘The Poulos-Ramsey Band’. Poucos meses depois estavam abrindo os shows para Charlie Musslewhite, Solomon Burke, Albert Collins, Ronnie Earl, James Cotton e Pinetop Jenkins. Dois anos depois, eles estavam prontos para dar o salto para Memphis, Tennessee, quando a tragédia atingiu a família de Greg, na Flórida, trazendo um fim prematuro para este esforço. Mais uma vez Pat foi abandonado, em algum lugar, pelo destino. Em uma nova cidade, ao sul de Memphis, conseguiu um emprego para trabalhar na mesa de um cassino, mas rapidamente foi aceito por músicos locais e foi contratado para tocar no ‘Blues Café’, como parte da banda da casa. Vivia em um trailer em um acampamento de pesca nas proximidades, quando com a ajuda de seu velho amigo Julien Kasper, agora Professor Julien Kasper da ‘Berklee College of Music’ em Boston, e alguns dos melhores músicos locais de Memphis, produziu seu álbum de estréia, ‘It's About Time’.

crosscut saw

'Crosscut Saw', Pat Ramsey de óculos

Trata-se do mesmo tempo em que o gaitista e cantor Jason Ricci, a caminho de casa, parou no clube onde Pat Ramsey estava tocando. Jason ficou tão encantado que alguns meses depois ele se mudou para Memphis para que pudesse ver cada show que Pat faria. Em 2005, Jason Ricci associado com a SPAH apresentou o festival anual ‘The Blues Harmonica Blowout’ com diversos gaitistas representando diversos Estados. Pat Ramsey representou o Mississippi. O ‘The Blues Harmonica Blowout’ foi fundado em 1991 por Mark Hummel que organizou uma série de festivais focalizando o grande som produzido pela gaita. Cresceu e se tornou um evento reconhecido internacionalmente. Já a ‘Society for the Preservation and Advancement of the Harmonica’ (Sociedade para a Preservação e Avanço da Harmônica), conhecida pela sigla SPAH, é uma organização internacional sem fins lucrativos constituída no Estado de Michigan em 1963 por um pequeno grupo de entusiastas e apaixonados pela gaita e sobre sua importância para o futuro da música contemporânea. A SPAH.org foi criada para apoiar essa missão e os músicos da gaita harmônica em todo o mundo.

crosscut saw - hippie song



crosscut saw - mad, bad & dangerous to know (1982)

Mad, Bad and Dangerous To Know (1982)
Crosscut Saw

Personnel: Pat Ramsey (harmonica, vocal) Steve Howell (percussion, drums) Joel "Mister Joel" Dick (cowbell, inspiration) Julien Kasper (guitar) Jim McRae (saxophone)
Tracklist: 01. One's Too Many 02. Allergic to Work 03. Love Her with a Feeling 04. Steppin' Out 05. Vegetable Oil 06. Dead Shrimp Blues 07. Treat Her Right 08. Hear My Song 09. Hippie Song 10. Mud Bee

pat ramsey - it's  about time (1995)

It´s about Time (1995)
Pat Ramsey

Personnel: Pat Ramsey (harmonica, vocal) Billy Gibson (second harmonica) Julien Kasper, Sean Costello, Alain Berkes, Sterling Billingsly, David Bowen, Eddie Ceballos (guitar) Carl Shankle (bass) Eric Dinnena (drums) Charles Campbell (sax) Tom Clar (trumpet) Al Gamble (organ)
Tracklist: 01. Allergic To Work 02. Georgia Swing 03. King of Fools 04. Stingin’ Stang 05. I Need Money 06. Broken Hearted 07. It’s About Time 08. Jammin’ In the Jungle 09. Baby Baby Let’s Go 10. Loan Me a Dime 11. Too Many Drivers 12. We Can Fly 13. Hippie

pat ramsey - live harmonica blowout (2005)

Live Harmonica Blowout Spah (2005)
(apenas a apresentação de Pat Ramsey neste festival)

Tracklist
01. Into 02. Walking By Myself 03. I Need Money 04. Georgia Swing 05. Broken Hearted 06. Too Many Drvers 07. Willie's Boogie

tags:
publicado por mara* às 08:00 | link do post | comentar