ABC of the blues 46: t-bone walker & jimmy witherspoon

posts relacionados
ABC of the blues

t-bone walkerO multi-instrumentista Aaron Thibeaux Walker (1910-1975) foi um guitarrista de blues aclamado pela crítica, foi também cantor, compositor e um dos mais influentes pioneiros e inovadores do blues elétrico. Em 2003, a Rolling Stone classificou-o na posição 47 da sua lista dos ‘100 Maiores Guitarristas de Todos os Tempos’. T-Bone Walker é o seu nome artístico, uma corruptela do seu nome do meio. De descendência afro-americana e cherokee nasceu em Linden, Texas. Os pais, Movelia Jimerson e Rance Walker, foram músicos. Além da sua habilidade natural para cantar, o seu padrasto Marco Washington lhe ensinou a tocar violão, cavaquinho, banjo, violino, bandolim e piano. Walker tinha deixado a escola aos 10 anos de idade e no início de 1920, adolescente ainda, aprendeu a sua arte entre as ruas de Dallas. Aos 15 anos ele já era um artista profissional tendo como mentor, Charlie Christian, um dos primeiros artistas importantes na guitarra elétrica. Sua mãe e seu padrasto, membro do ‘Dallas String Band’, eram amigos da família, do cantor e guitarrista Blind Lemon Jefferson. Inicialmente, ele foi pupilo de Jefferson, que era cego, e o guiou em torno da cidade para as suas apresentações.

Em 1929, Walker fez sua primeira gravação, ‘Wichita Falls Blues’ / ‘Trinity River Blues’, tendo o pianista Douglas Fernell como seu parceiro musical para o registro. Com 26 anos estava se apresentando nos clubes de Los Angeles. Muitas de suas produções foram gravadas entre 1946 e 1948, pela ‘Black & White Records’, incluindo a sua mais famosa canção de 1947, ‘Call It Stormy Monday (But Tuesday Is Just as Bad)’. Outras canções notáveis foram ‘Bobby Sox Blues’ e ‘West Side Baby’. Ao longo de sua carreira ele trabalhou com grandes músicos. Até o início dos anos 60, a carreira de Walker começou a decrescer, e ressurgiu com a sua aclamada aparição no ‘American Folk Blues Festival’ em 1962 com Memphis Slim e Willie Dixon, entre outros. E vários álbuns se seguiram. Problemas de saúde desaceleraram a sua carreira até a sua morte com 64 anos. T-Bone Walker foi uma das principais influências de Chuck Berry assim como foi inspiração para BB King começar a tocar a guitarra elétrica. Walker também foi o herói da infância de Jimi Hendrix, e Hendrix o imitou ao longo de sua vida. Anos antes de Hendrix, T-Bone Walker já tocava a guitarra com os dentes ou em posições estranhas. leia mais...

jimmy witherspoonJimmy Witherspoon (1920-1997) nasceu em Gurdon, Arkansas. Ele primeiro atraiu a atenção ao cantar na banda do pianista de jazz Teddy Weatherford em Calcutá, na Índia, nas apresentações regulares no rádio transmitidas pela ‘Armed Forces Radio Service’ dos EUA durante a Segunda Guerra Mundial. Witherspoon fez sua primeira gravação com a banda do maestro, pianista e cantor de blues e jazz Jay McShann em 1945. Em 1949, a gravação em seu próprio nome com a banda de McShann, do hit ‘Ain't Nobody's Business’ é considerada a sua marca registrada. Em 1950, ele teve sucesso com duas canções mais estreitamente identificadas com ele: ‘No Rollin' Blues’ e ‘Big Fine Girl’, assim como ‘Failing By Degrees’ e ‘New Orleans Woman’ gravadas com a orquestra de Gene Gilbeaux a partir de uma apresentação ao vivo em 1949. Outra composição clássica de Witherspoon é ‘Times Gettin' Tougher Than Tough’. O seu estilo ‘blues shouter’, muito popular antes do advento do microfone, quando o cantor, muitas vezes do sexo masculino, era capaz de cantar com uma banda e ser ouvido acima da bateria e os outros instrumentos, ficou fora de moda em meados da década de 50, mas retornou à popularidade com o seu álbum de 1959, ‘Jimmy Witherspoon at the Monterey Jazz Festival’, que contou com as participações do trompetista Roy Eldridge, do clarinetista Woody Herman, dos saxofonistas Ben Webster e Coleman Hawkins, do pianista Earl Hines e do baterista Mel Lewis. Mais tarde, ele gravou com o saxofonista e clarinetista Gerry Mulligan, com o baixista Leroy Vinnegar, com o organista Richard ‘Groove’ Holmes e com o guitarrista texano T-Bone Walker. Em 1961, Jimmy Witherspoon excursionou pela Europa com o trompetista de jazz Buck Clayton e voltou para o Reino Unido, em muitas ocasiões. Nos anos 60 esteve lá para uma gravação ao vivo de ‘Spoon Sings and Swings’ com o quarteto do saxofonista britânico Dick Morrissey. Na década de 1970 ele também gravou o álbum ‘Guilty!’, chamado ‘Black & White Blues’ em re-lançamento, com Eric Burdon depois que este deixou sua banda ‘War’. Witherspoon morreu de câncer na garganta, em Los Angeles.


Tracklist
01. T-Bone Walker - They Call It Stormy Monday
02. T-Bone Walker - It's a Low Down Dirty Deal
03. T-Bone Walker - Bobby Sox Blues
04. T-Bone Walker - Mean Old World
05. T-Bone Walker - Evening
06. T-Bone Walker - Long Skirt Baby Blues
07. T-Bone Walker - Midnight Blues
08. T-Bone Walker - I'm Still in Love with You
09. T-Bone Walker - Low Down Dirty Shame
10. T-Bone Walker - T-Bone Jumps Again
11. Jimmy Witherspoon - I'm Just a Lady's Man
12. Jimmy Witherspoon - Love My Baby
13. Jimmy Witherspoon - Love and Friendship
14. Jimmy Witherspoon - Geneva Blues aka Evil Woman
15. Jimmy Witherspoon - I'm Just Wandering (Part 1)
16. Jimmy Witherspoon - I'm Just Wandering (Part 2)
17. Jimmy Witherspoon -Good Jumping aka Jump Children
18. Jimmy Witherspoon - Thelma Lee Blues
20. Jimmy Witherspoon -Slow Your Speed



jimmy witherspoon - love and friendship

ABC of the blues volume 46
parte I    parte II



publicado por mara* às 17:45 | link do post | comentar