ABC of the blues 44: sonny terry & eddie taylor

posts relacionados
ABC of the blues

sonny terrySonny Terry (1911-1986) foi um dos mais famosos e queridos cantores de blues no estilo 'piedmont', comum no sudeste dos Estados Unidos. O gaitista cego é mais conhecido por sua longa parceria com o guitarrista Brownie McGhee, mas ele também teve uma longa carreira como solista e como músico de estúdio. A influência musical de Terry se estende além do mundo folk dos anos 60 e inclui artistas contemporâneos de blues como Cephas & Wiggins e o harpista Norton Buffalo. Saunders Terrell nasceu na zona rural da Carolina do Norte de uma família de agricultores, e ficou cego por dois acidentes na infância. Seu pai havia lhe ensinado os rudimentos da gaita, ciente de que a sua cegueira iria impedi-lo de seguir carreira na fazenda. Tocando nas esquinas, por volta de 1934, Terry foi ajudado por Blind Boy Fuller, um dos guitarristas e intérprete mais populares do piedmont blues. E Terry se tornou integrante do trio de Fuller, e viajaram para Nova York em 1937. Um ano depois, Terry apareceu como parte do primeiro concerto ‘From Spirituals to Swing’ de John H. Hammond tocando sua música ‘Mountain Blues’ para o público no Carnegie Hall. Em algum momento durante o final dos anos 1930, Fuller apresentou a Terry o guitarrista Brownie McGhee, e assim, acidentalmente foi criada uma das duplas mais duradouras e populares da história do blues. Terry e McGhee tocaram juntos com freqüência, e após a morte de Fuller, em 1941, a parceria tornou-se mais ou menos permanente. E se tornaram populares entre os jovens brancos e fãs de música folk e, nos anos 60, eram convidados para as festas folclóricas nos ‘campus’ universitários até a dissolução da dupla no final dos anos 70. Um artista de talento aparentemente inesgotável, Terry também esteve envolvido com o cantor Harry Belafonte, e apareceu em vários comerciais de televisão. Em 1975, encontrou tempo para escrever ‘The Harp Styles of Sonny Terry’, um manual de instrução para a gaita. Em 1984, a Alligator Records lançou o álbum final de estúdio de Terry produzido pelo guitarrista de rock-blues Johnny Winter, que também emprestou seu talento de seis cordas para o álbum. Leia +...

Eddie Taylor Eddie Taylor (1923-1985) foi um dos arquitetos do Chicago blues da pós-segunda guerra mundial e é reverenciado como um dos guitarristas mais influentes da história do blues de Chicago, conhecido por sua versatilidade, timing impecável e musicalidade. Nascido Edward Taylor em Benoit, Mississippi, quando criança aprendeu sozinho o violão influenciado pelo blues do Delta de Charley Patton, Son House, Big Joe Williams e Robert Johnson, mais tarde teve aulas com um músico chamado ‘Popcorn’. Ele passou seus primeiros anos a tocar em locais de Leland, Mississipi, onde ensinou e moldou o som característico de Jimmy Reed, um amigo de infância. Com um estilo profundamente enraizado na tradição do blues do Delta do Mississipi, na década de 40 ele se mudou para Memphis e depois para Chicago, onde ele ajudou a construir um novo estilo de blues elétrico. Era famoso por seu trabalho, tanto como líder de banda quanto acompanhante de outros artistas. ‘Big Town Playboy’ e ‘Bad Boy’ gravadas por ele na ‘Vee Jay Records’ tornaram-se hits na década de 50 e colaborou em dezenas de sessões de Jimmy Reed na mesma gravadora. E apesar de nunca ter conseguido o estrelato como alguns de seus compatriotas na cena do blues em Chicago, ele, no entanto, era parte integrante da sua época e é especialmente conhecido como o principal acompanhante de Jimmy Reed, bem como de John Lee Hooker, Big Walter Horton, Elmore James, Carey Bell, Slim Sunnyland e outros. Na década de 60 começou a se apresentar internacionalmente e manteve-se ativo até a sua morte. A sua esposa Vera Taylor (1943-1999) era vocalista de blues e muitas vezes acompanhou Eddie Taylor no palco. Seus filhos são músicos, Taylor Jr. é um guitarrista de blues, seu enteado Larry Taylor é baterista e vocalista de blues, e sua filha Demetria é uma cantora de blues, todos em Chicago. Eddie Taylor morreu no dia de Natal em 1985, em Chicago, aos 62 anos, e foi enterrado em uma vala comum. Eddie Taylor deixou um vazio no circuito de Chicago. Embora nunca tenha sido muito conhecido do público, foi postumamente incluído no ‘Blues Hall of Fame’ em 1987.


Tracklist
01. Sonny Terry - Bye Bye Baby Blues
02. Sonny Terry - I Don't Care How Long
03. Sonny Terry - Blues and Worried Man
04. Sonny Terry - Harmonica Blues
05. Sonny Terry - Somebody's Been Talkin'
06. Sonny Terry - Harmonica Stomp
07. Sonny Terry - Twelve Gates to the City
08. Sonny Terry - You Got to Have Your Dollar
09. Sonny Terry - Don't Want No Skinny Woman
10. Sonny Terry - Blowing the Blues
11. Eddie Taylor - Bad Boy
12. Eddie Taylor - Big Town Playboy
13. Eddie Taylor - Find My Baby
14. Eddie Taylor - Stroll Out West
15. Eddie Taylor - E.T. Blues
16. Eddie Taylor - Don't Knock at My Door
17. Eddie Taylor - I'm Gonna Love You
18. Eddie Taylor - Leave This Neighborhood
19. Eddie Taylor - I'm Sitting Here
20. Eddie Taylor - Ride'em On Down



eddie taylor - bad boy

ABC of the blues volume 44
parte I    parte II



publicado por mara* às 17:39 | link do post | comentar